×
Não tem uma conta? Cadastre-se

Fiat Scudo deseja a liderança do mercado de vans

Imagem ilustrativa da notícia: Fiat Scudo deseja a   liderança do mercado de vans
Foto Jornalista $publicador

Caio Bednarski

23/06/2022

Campinas, SP -- A Stellantis aproveitou mais um pouco da sinergia de suas marcas para o lançamento do Fiat Scudo, veículo comercial que compartilha plataforma de montagem com o Citroën Jumpy e o Peugeot Expert, montados na fábrica da Nordex no Uruguai. O mercado também receberá uma versão elétrica, produzida na França e importada, com autonomia de até 330 quilômetros que pode variar para até 240 quando está carregada e circulando em ciclo urbano.

Com o Fiat Scudo colocado no segmento de C Vans a Fiat quer atrair clientes de outras marcas do mesmo segmento, mas que não sejam Stellantis, caso da BYD, por exemplo, assim como de segmentos maiores, nos quais estão algumas configurações de Sprinter e Master, para dessa forma ser líder de mercado no Brasil:

"Esse mercado total de vans representa 65 mil unidades por ano", disse Herlander Zola, vice-presidente sênior da Fiat para América do Sul, "e a expectativa é a de que podemos liderar as vendas com 10% de market share".

As duas versões com motor a combustão e a versão elétrica já estão em pré-venda, que vai até agosto, com preços de R$ 187,5 mil a R$ 330 mil. Em agosto, quando a Fiat iniciar as vendas regulares, o Scudo estará disponível em mais de duzentos pontos de vendas da rede Professional, nome dado as concessionárias credenciadas para vender e realizar o seu pós-vendas.

A capilaridade da Rede Fiat, que conta com quinhentas unidades no País, também é uma das apostas da empresa para conquistar a liderança de vendas, pois oferecerá cobertura nacional aos clientes.

As versões Cargo e Multi, ambas a combustão, tem capacidade de carga de 1,5 tonelada, equipadas com motor 1.5 turbo diesel de 120 cv, câmbio automático de seis marchas e garantia de três anos. A configuração elétrica tem motor de 136 cv, bateria de íon de lítio de 75 kWh e capacidade de carga de 1 tonelada.

Zola disse que o lançamento do Scudo acompanha o crescimento de algumas áreas de negócios como o delivery, com alta de 100% desde o começo da pandemia, as lojas virtuais, alta de 400%, e-commerce, expansão de 150%: "Tudo isso traz muitas oportunidades nesses segmentos para entrarmos com esse novo produto".

7+1 -- Também haverá uma versão de passageiro, na configuração 7+1, usando a Multi como base, para atender ao público que precisa transportar sete pessoas com bagagem, possibilidade não oferecida por outros modelos disponíveis no mercado, segundo a Fiat. Nesse caso a empresa, inicialmente, indicará aos clientes possíveis parceiros para realizar as adaptações no veículo:

"No futuro pretendemos ter uma versão 7+1 já adaptada e disponível para pronta entrega nas concessionárias, mas isso virá em um segundo passo".

Veja os preços e versões:
Fiat Scudo Cargo - R$ 187 mil 490
Fiat Scudo Multi - R$ 192 mil 490
Fiat Scudo Elétrico - R$ 329 mil 990